03 passos para mudar seu mindset e pensar em inovação

 / 30.06.2020

Inovação não é sobre tecnologia, mas sim, sobre pessoas.

Gestores ainda tratam inovação e tecnologia como sinônimos. Essa confusão não é uma surpresa. Devido à expansão tecnológica que tivemos nas últimas décadas, novas descobertas representaram verdadeiras revoluções. Com todas essas transformações acontecendo em tão pouco tempo, não é estranho que muita gente acabe confundindo as coisas e coloque tecnologias como fim.

Sabemos, no entanto, que ela é meio. Um meio de transformação. Uma ferramenta a ser utilizada por empreendedores criativos a fim de entregar valor de forma inovadora para usuários.

Quando defendo um foco menor em tecnologia não falo em diminuir o valor que ela intrinsecamente tem para iniciativas inovadoras. Me refiro, na verdade, a tratá-la como meio para que transformações aconteçam.

Perceba, é comum que nos deixemos levar pela empolgação quando falamos sobre inteligência artificial, realidade aumentada, blockchain e assim por diante. Essas tecnologias são, de fato, revolucionárias e sentimos que estamos no meio de algo muito maior. A grande questão é que a inovação não vem das tecnologias per se. O verdadeiro valor está na transformação dos modelos de negócio.

A Netflix, por exemplo, não se tornou inovadora simplesmente pelas tecnologias que adotou em seu negócio. Todas elas existiam e já estavam disponíveis. A grande inovação veio a partir do momento em que a empresa utilizou essas tecnologias para transformar o seu modelo de negócio.

Considero essa reflexão como uma das mais poderosas formas de se mudar o tão falado mindset e de se começar a pensar de forma mais inovadora. Como quase tudo na vida, isso é muito mais fácil falar do que fazer.

A primeira etapa é colocar na cabeça que inovação e tecnologia não são a mesma coisa. Elas são parte da mesma equação. A tecnologia é um meio para que a inovação aconteça. Ponto.

A segunda etapa é perceber que a tecnologia não é o objetivo final. Persegui-la como tal pode fazer com que sua empresa tente implementar novas tecnologias simplesmente porque parecem importantes, o que pode acabar gerando prejuízos financeiros. A tecnologia é, então, um caminho para que a mudança aconteça.

A terceira etapa é encarar a tecnologia como meio de transformação de modelos de negócio. A pergunta importante a ser feita é: como as tecnologias já disponíveis podem atualizar o meu modelo de negócio e como eu posso, a partir disso, entregar mais valor para meus clientes?

Se a inovação não for sobre pessoas, não há razão de ela acontecer.

Ver Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Allan Costa
(41) 99878-5055
contato@allancosta.com